• Rodrigo Pinheiro

Crianças com miopia são mais propensas a depressão e ansiedade, diz estudo.


O estudo foi realizado durante mais de três décadas, através de 36 pesquisas e revelou que crianças com miopia são mais propensas a terem depressão e ansiedade.


Pesquisa recentemente foi publicada pela revista da Academia Americana de Oftalmologia Ophthalmology e sugeriu que crianças com miopia têm mais probabilidade para terem depressão e ansiedade quando comparadas as outras crianças que não possuem nenhum problema de visão.


As pesquisas foram analisadas entre os anos de 1986 e 2020 em diferentes países e conduzida por 16 pesquisadores de diferentes locais ao redor do mundo, como EUA, China e Islândia. Entre os países que participaram da pesquisa estão: Estados Unidos, China, Turquia, Coreia do Sul, Irã, Israel, entre outros. Foram realizadas 36 pesquisas, com a participação de 700 mil crianças. A média de idade de cada criança foi de 15 anos.


De um modo geral foi comprovado que crianças com algum tipo de distúrbio de visão, apresentam maiores tendências a terem depressão e ansiedade. Mas são as mais pequenas com miopia, as mais afetadas.


Devido suas deficiências, essas crianças ficam isoladas socialmente em muitas ocasiões, fazem menos atividades físicas, além de obter baixo desempenho acadêmico. Fatores que contribuem para que elas fiquem mais vulneráveis aos problemas emocionais, porque que abalam diretamente a confiança e a autoestima.


De acordo com um dos coautores do trabalho, Nathan Congdon. O estudo tem como maior objetivo, incentivar governos terem uma atuação maior em relação as crianças com problemas de visão. Para que invistam mais recursos para reduzir suas deficiências e desta forma atenuar as graves consequências causadas a saúde mental dessas crianças.


“Esses resultados são ainda mais convincentes. Porque a evidência mais forte que encontramos para o impacto na saúde mental foi entre crianças com miopia, tratável com um simples par de óculos”.




8 visualizações0 comentário